Por que as brigas acontecem?

Chega a hora de criança dormir na sua casa: 20h, digamos. Você dá um beijo no seu filho, dá boa noite e o coloca na cama. O dia foi duro, e você ainda tem um monte de coisas para fazer. Sem dizer que seria ótimo conseguir sentar um pouco no sofá para assistir à TV e descansar. 

 

Mas nada disso acontece. O tempo vai passando e você continua lá, no quarto do seu filho, tentando fazê-lo dormir. Relaxar na frente da TV nem pensar. A louça fica suja na pia e todo mundo fica nervoso. E aí finalmente ele dorme... três horas depois. 

 

Não é só com você que isso acontece. Em muitas famílias a rotina é sempre a mesma. A criança está obviamente com sono: boceja, esfrega os olhos e abre o berreiro por qualquer motivo. Ou então está superagitada -- o que pode também ser sinal de cansaço. 

 

Sabe quando você tem tanta coisa para fazer que não sabe nem por onde começar, e fica como barata tonta (ou cachorro em dia de mudança, como preferir...)? O que está acontecendo com seu filho é mais ou menos a mesma coisa. Há tanta coisa nova acontecendo que ele não quer perder nada. 

 

Além disso, a criança está começando a perceber que é uma pessoa única, e quer declarar sua independência a todo custo. Recusar-se a dormir é um jeito, para ela, de fazer isso. 

 

O que você pode fazer

 

· Ensine seu filho a pegar no sono sozinho. Só depende de você, e só vai fazer bem à criança. Se ela só dorme com alguém por perto, vai ter problemas sempre que acordar de madrugada, por exemplo. Uma das maneiras de ajudá-la é seguir uma rotina todo dia na hora de dormir. Assim ela sabe o que esperar. Deixe sempre claro para a criança que não há o que temer, e que você virá sempre que ela chamar.

· Não entre na enrolação dele. Crianças desta idade são mestres em negociar e enrolar para ganhar um tempinho, principalmente na hora de dormir. Pode ser que seu filho peça água a todo minuto, ou até resolva fazer cocô, tudo para ficar mais tempo com você. Se você perceber que é uma estratégia de enrolação, seja firme. Troque a fralda ou leve-o ao banheiro sem conversar muito, dê água uma vez e pronto, diga que é hora de dormir.

 

Para evitar o uso desses truques, inclua os pedidos mais comuns de seu filho no ritual da hora de dormir: deixe um copinho com água ao alcance dele, lembre-o de ir ao banheiro (se ele já estiver desfraldado) e dê muitos beijos e abraços. Aí permita um pedido só, e deixe claro que é só um e pronto. Assim é maior a chance de ele se conformar e sossegar.

· Dê opções na hora de dormir. Seu filho está testando os limites da recém-descoberta independência. Para ajudá-lo a se sentir "poderoso", deixe-o escolher algumas coisas: o pijama, a história que quer ouvir, a música. O segredo é dar no máximo três opções, que sejam pré-aprovadas por você. Numa noite de frio, por exemplo, não pergunte "Que pijama você quer pôr?", e sim escolha os dois mais quentinhos e pergunte "Qual dos dois você quer pôr?".

·         Seja firme. Faça de tudo para não ceder aos apelos do seu filho por uma exceção à regra da hora de dormir, "só hoje, vai....". Se o nervosismo começar a tomar conta de você, respire fundo e procure falar em voz baixa, para não entrar numa espiral de gritos que só vai deixar todo mundo ainda mais chateado. Se você ceder ao "só mais um pouquinho", ele vai pedir sem parar até conseguir de novo. Ignore os pedidos assim como faz com os ataques de birra.

 

Se você der muita atenção, mesmo que seja para dar bronca, vai acabar reforçando o comportamento indesejado.

· Transfira-o do berço para a cama. Entre os 2 e os 4 anos, a criança fica pronta para passar do berço para uma cama. Você pode dizer a ela que uma das coisas que crianças grandes fazem é ir para a cama quando estão cansadas. Elogie bastante sempre que ela estiver na cama, e arme-se de paciência para quando ela descobrir que pode levantar quando quiser. É apenas uma fase: leve-a de volta e diga que é hora de dormir. Depois de algumas vezes (ou muitas), ela se conforma e dorme.

 

Criar bons hábitos de sono exige muito tempo e paciência, mas o esforço vale a pena. Se a situação na sua casa está insustentável, tome coragem e comece já a acabar com as brigas na hora de dormir.

 

Artigo escrito para o BabyCenter Brasil

A equipe do BabyCenter é Formada por jornalistas especializados em saúde

 

Veja Todas as Notícias


   << Voltar

NOTÍCIAS

+

Bate-papo com a Nutricionista

Nossos pequenos do Integral tiveram um bate-papo com a nutricionista do HWR sobre a quantidade de açúcar “escondida” dentro das embalagens que tanto conhecemos e nos são tão familiares. O espanto se deu quando a quantidade de açúcar ...

+

Aprimoramento Contínuo

Aprimorar-se continuamente faz parte da infindável evolução do ser humano! Nosso encontro de professores do fundamental 1 para fechamento do semestre trouxe reflexões sobre as metodologias aplicadas e uma apresentação da professora Cris Marsi so...

+

Teatro em Inglês

Depois de um grande desafio vem um grande salto evolutivo! Para treinar o idioma Inglês, nossos alunos de oitavo ano encenaram e praticaram o vocabulário com cenas do cotidiano. Entre as cenas escolhidas estão: comprar ingresso no cinema, uma passagem de ônibus...

+

Relaxamento - Integral

Trabalhar a concentração, equilíbrio emocional, percepção dos espaços, do corpo, das sensações, além do estado de presença, é algo que pode ser trabalhado desde cedo! A percepção sobre esses aspec...

+

Vulcão: A Experiência

A melhor maneira de explicar algo que não conseguimos ver facilmente é simulando na prática! Além do conhecimento ser assimilado por associação aos momentos positivos de socialização, outros estímulos são alcançados e tr...